Dominando o Lightroom em 7 dias – Dia 6 – Presets e Cores no Lightroom

Dominando o Lightroom em 7 dias – Dia 6 – Presets e Cores no Lightroom
Última atualização:

Você chegou até aqui? Parabéns, agora falta pouca para dominar o Lightroom e hoje falaremos um pouco mais sobre Presets e cores no Lightroom, e vamos dar uma olhada mais profunda nestas opções super importantes.

E juntando o que você aprendeu ontem você terá praticamente todo o conhecimento necessário para editar suas fotos sem o menor problema. E com o que ainda está por vir você vai poder finalizar suas fotos de forma profissional.

Vimos no episódio passado como trabalhar os ajustes básicos e ajustes locais de suas fotos, e hoje vamos trabalhar com ajustes mais avançados, presets e cores no Lightroom. E se você baixou a foto de exemplo no artigo passado você pode seguir o artigo na prática.

Dominando Presets e Cores no Lightroom

Lightroom cores e presets

Curvas de tonalidade  

Você já deve saber onde fica a aba de Curvas de tonalidade, e ela é uma maneira muito fácil de manipular as cores e as tonalidade das suas foto.

Lightroom cores e presets

Mas vamos falar um pouco de como utilizar esta ferramenta no Lightroom temos 3 tipos de curvas de tonalidade, a RGB e as curvas de cores específicas, verde, vermelho e azul.

Lightroom cores e presets

Na foto acima você vê como as curvas de tonalidade afetam a foto. E o mesmo conceito se aplica quando você está editando cores específicas que podem ser selecionadas no menu abaixo do gráfico principal, em versões mais antigas do Lightroom e ser selecionadas no topo do gráfico em versões mais recentes do Lightroom. 

Você pode criar quanto pontos quiser, mas normalmente 5 é o máximo de pontos necessários para ter um bom controle, mas podemos fazer ajuste mais simples ou mais complicados dependendo da sua necessidade.

Manipular as curvas de tonalidade é bem fácil, ajustando o ponto na região escuras em direção ao topo do gráfico torna tais mais claras, e o inverso é válido para as regiões claras da foto. Caso você crie um ponto no centro do gráfico você estará controlando as regiões médias das fotos, tornando-as mais escuras quanto altera a curva negativamente, em direção a base do gráfico ou mais claras ajustando o ponto positivamente.

O mesmo vale para quando estamos ajustando as cores individualmente das fotos. Porém aqui ao invés de tornar as cores mais escuras ou claras estaremos transformando as cores. Ajustar os vermelhos positivamente acrescenta vermelhos as fotos, porém ajustar a curva negativamente acrescenta ciano (azuis) as fotos. O mesmo vale para as outras duas cores.

  • Ajustar a curva vermelha positivamente adiciona vermelhos
  • Ajustar a curva vermelha negativamente adiciona azuis  (ciano)
  • Ajustar a curva verde positivamente adiciona verdes 
  • Ajustar a curva verde positivamente adiciona magenta
  • Ajustar a curva azul positivamente adiciona azui
  • Ajustar a curva azul positivamente adiciona amarelos

Existem algumas curvas clássicas que podem ser usadas em algumas situações, porém nada disto é uma regra, são simplesmente pontos de partida na hora de ajustar suas fotos, e um bom exemplo disto é a famosa é o “S”, onde reduzimos um pouco das regiões escuras da foto e aumentamos um pouco das regiões claras.

Lightroom cores e presets

Claro que você pode criar o formato de curva que desejar, desde que ele funcione para sua foto. O importante é entender o que as curvas estão fazendo em suas fotos.

Após um pequena edição nas curvas de tonalidade a foto ficará assim!

Lightroom cores e presets

Durante seu processo de edição você optar por não usar as curvas de tonalidade, mas ela sempre estará lá como uma ótima ferramenta.

Cores no Lightroom

Já falando em cores no Lightroom temos uma vasta gama de opções para manipular como as cores de suas fotos vão ficar. As opções vão além de ajustar a saturação e vibração geral da foto na aba básica de edição. 

Na aba HSL, podemos escolher além de ajustar as cores em suas partes principais também, podemos ajustar como as cores serão representadas quando estamos editando uma foto em preto e branco. O Lightroom tem tudo que você pode precisar para acertar, manipular ou retirar cores de suas fotos!

Aba HSL do Lightroom

Lightroom cores e presets

Nesta aba temos disponível ajustes de matiz, saturação e luminância.

  • Matiz (Hue), trabalha manipulando a cor, pode transformar verde em verde água ou verde musgo dependendo do ajuste. Funciona para todas as cores transformando a cor principal em sua cor vizinha.
  • Saturação, trabalha deixando as cores mais vivas ou menos vivas (sem cor)
  • Luminância, trabalha deixando as cores mais escuras ou mais claras dependendo do ajuste.

Tudo isto pode ser dividido por cores individualmente ou podem ser colocadas todas em uma única aba. Os ajustes nesta aba tem influência apenas nas cores selecionadas, e em suas vizinhas mais próximas. Aqui você poderá corrigir tons de pele, em caso de retratos, ou a cor do céu e grama / folhagens em caso de fotos de paisagens. Assim não temos desculpas para não corrigir certos problemas em nossas fotos simplesmente com a desculpa de nao temos opção. 

Lightroom cores e presets

Na foto acima vemos como a aba de cores do Lightroom pode fazer diferença na foto. Trabalhe sempre procurando o equilíbrio ou para evidenciar as cores que você quer que apareçam. Os ajustes na fotos são apenas demonstrativos do que pode ser feito e estão exagerados para demonstrar a ferramenta. 

Split Toning

Nesta seção você pode escolher uma cor predominante para as áreas claras e também uma cor diferente para as áreas escuras da foto. Super simples e fácil. Além de poder ajustar a cor predominante para as regiões claras e escuras, também podemos ajustar a saturação destas cores, e também o balanço entre as regiões.

Lightroom cores e presets

Esta seção é muito útil, não a subestime, porém ela irá adicionar uma camada de cor que não necessariamente existe na foto original. Como utilizar a ferramenta de Split toning é uma decisão criativa e aqui também vale a experimentação, uma grande vantagem da edição não destrutiva do Lightroom e que se o ajuste ficou ruim e só voltar atrás e começar novamente. 

Uma vez adicionada as cores para as regiões de sombras e de destaques você ajustar a saturação das mesmas assim como a predominância (balanço) de uma delas para tornar toda a coisa um ajuste bem mais fino e sutil.

Lightroom cores e presets

Detalhes, Efeitos e Ruído

As próximas abas vão tomar conta de coisas como nitidez, ruído, e vinheta da foto. E falamos bastante destes ajustes no artigo passado, então volta-las se você não lembra. Porém só para relembrar na aba efeitos temos, vinheta e granulação, e em versão mais atuais do Lightroom temos também o controle Dehaze, ou redução de névoa.

A vinheta server para adicionar bordas escuras ou claras, de acordo com seu o gosto. A granulação irá adicionar ruído a foto, para dar um aspecto mais vintage a foto.

Lightroom cores e presets

Fora isso ainda temos os ajustes locais que são super importantes para a maioria das edições, e como usar todos os ajustes locais no Lightroom  pode ser visto neste artigo aqui

Presets

Presets não são uma fórmula mágica para ajustar imagens, das mesma forma que eles nao sao algo a se deixar de lado, como muitos fotógrafos pensam. Presets são apenas pontos de partida para facilitar, economizar tempo, na hora da edição de suas fotos e não tiram em nada o valor de suas ajustes, afinal você ainda terá que redefinir o ajuste tendo a sua foto com referencia, e nao a foto onde o preset foi criado. 

Então procure usar os presets para Lightroom apenas como uma forma de iniciar suas edições assim você terá total controle do que o preset está fazendo. Claro que em alguns casos um determinado preset pode ajustar completamente suas foto e deixá-la praticamente pronta. Ter ótimas alternativas de presets é algo super valioso quanto estamos procurando facilitar nossas edições e por isso coloquei vários presets para download gratuito aqui no blog, basta ir neste link aqui

Juntando tudo que fizemos até agora podemos dizer que a edição está completa, e se você quiser guardá-la para o futuro é ideal salvar um preset dela. Veja no vídeo abaixo como você pode fazer isto!

Com o tempo você com certeza irá editar suas fotos com muito mais velocidade e precisão mesmo sem precisar de ajuda de qualquer preset, mas é sempre bom ter uma direção para algum tipo de edição específica quando você não souber por onde começar.

Agora só falta exportar ou finalmente imprimir suas fotos, e falaremos disso amanhã. 

Se você achou este artigo de alguma forma útil considere compartilhá ele em suas redes sociais.

Qualquer pergunta só deixar aqui nos comentários ou no Twitter, e não esqueçam de postar os resultados no Instagram com a hashtag #fotographiko. 

E se você começou por este post não deixe de ver os outros

Dominando o Lightroom em 7 dias

Dominando o Lightroom em 7 dias – Dia 01 – Catálogo 

Dominando o Lightroom em 7 dias – Dia 02 – Importação 

Dominando o Lightroom em 7 dias – Dia 03 – Módulo de biblioteca 

Dominando o Lightroom em 7 dias – Dia 04 – Módulo de desenvolvimento 

Dominando o Lightroom em 7 dias – Dia 05 – Como editar suas foto 

Dominando o Lightroom em 7 dias – Dia 06 – Presets e Cores 

Dominando o Lightroom em 7 dias – Dia 07 – Exportar ou Imprimir

Photographer

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.