Photographic composition // definitive guide

Photographic composition // definitive guide

Última atualização:

Hoje vamos falar sobre composição fotográfica e também mostrarei técnicas de composição de fotografia. Vai ser um artigo longo então apertem os cintos. 

Pode parecer clichê, mas uma das regras mais valiosas na fotografia fotografia é que não há regras, no entanto, há um número de orientações de composição fotográfica que quando bem aplicadas irão definitivamente aumentar o impacto de suas fotografias. 

Sei que você reparou no título do post, e quando eu falo em “O guia definitivo”, não quero ser presunçoso e dizer que eu sei tudo que se precisa saber sobre composição fotográfica. 

O que quero mostrar é com os itens que estão aqui neste post, você vai passar a vida inteira fotografando e não vai gastar todas as opções.

O que veremos neste artigo

  • O que é composição fotográfica 
  • Regra dos terços
  • Equilíbrio formal na fotografia
  • Equilíbrio fotográfico informal
  • Proporção áurea e a espiral de Fibonacci
  • Cores usadas na composição fotográfica 
  • Composição fotográfica e os padrões
  • Linhas guias
  • Molduras ou framing
  • Composição fotográfica e a profundidade

Composição fotográfica: O Guia definitivo.

Quando falamos em composição fotográfica todo mundo começa é pensar em regras a serem seguidas ao pé da letra, e se não for assim não existe maneira de tirar boas fotos,  bom na verdade não [é bem assim.

As tão faladas técnicas de composição não farão suas fotos ficarem melhores se você não tem ideia do que é tirar um belo retrato. Mas caso você saiba o que está fazendo, elas servirão para cumprir o papel delas, direcionar o olhar do teu espectador ao ponto de interesse da foto, o ponto mais importante. Ponto este que é o fotógrafo quem escolhe.

O que é composição fotográfica 

Composição fotográfica é uma forma de organizar o que está aparecendo em seu enquadramento ou frame. Você sempre será responsável por 100% do que aparece em seu enquadramento. Podemos usar como parte da composição fotografia o ponto de vista, as linhas, as cores, o equilíbrio destes fatores, o destaque do assunto principal, bem como a disposição dos assuntos secundários.

E para facilitar a vida em relação a como enquadrar uma foto existem algumas técnicas que ajudam não apenas fotógrafos mas também pintores, desenhas e uma série de outros artistas.

A primeira e talvez mais umas das mais simples técnicas de composição de fotografia é a Regra dos terços.

Composição fotográfica. Barbudo Lyzard by Rix Mascarenhas on 500px.com
Regra do terço em ação!

Técnicas de composição fotográfica: Regra dos terços

Esta é das técnicas de composição fotográfica que pode até ser meio batida, mas ela funciona. A regra diz que a imagem é mais agradável quando seu elemento de interesse estão ao longo de linhas imaginárias que dividem a imagem em terços, de forma horizontal e ou vertical.

Composição fotográfica

Na verdade, é bastante surpreendente que esta regra tão aparentemente matemática pode ser aplicada a algo tão variado e subjectivo como fotografia.

Posicionar os elementos de maior importância na intersecção das linhas horizontais e verticais cria um bom senso de equilíbrio ao espectador, sem fazer com que a imagem fique muito poluída visualmente.

Esta regra não é apenas uma regra de composição fotográfica, na verdade ela pode ser encontrada em muitos lugares, fotografias, vídeos e pinturas são os principais lugares onde você irá encontrar esta regra de composição fotográfica.

Composição fotográfica
The Percistence of Memory – Salvador Dali
Composição fotográfica

Na foto acima podemos ver como Salvador Dali aplicou bem a regra do terços de forma a chamar a sua atenção para alguns pontos na pintura.

Se você não se liga muito em pintura ou pintores, o que será estranho para um fotógrafo, você também verá esta regra em funcionamento em cenas de filme ou séries de tv.

Composição fotográfica

Na cena acima temos uma cena clássica do filme Seven – 7 crimes capitais onde podemos ver novamente o poder da regra do terços.

Mas nem tudo é tão fácil a regra do terços tem lá sua limitações. Imagine a situação onde na imagem não existe objeto para o qual você quer chamar a atenção.

Embora raro, existem situações onde você não poderá se valer da tal regra.

Composição fotográfica

No entanto, o “espírito da regra” pode ainda pode ser aplicado de forma a dar à foto um senso de equilíbrio, sem fazer o objeto parecer estático e imutável demais.

Composição fotográfica e o Equilíbrio (Balance)

Colocar o principal assunto fora do centro, como acontece com a regra dos terços, cria uma foto mais interessante, mas pode deixar um vazio na cena.

Então é bem comum colocarmos um contraponto de forma a criar uma imagem mais equilibrada.

Composição fotográfica
Imagem por Shannon Kokoska.

Aqui, o “peso” visual do sinal de estrada é em relação ao prédio do outro lado da foto.

Equilíbrio formal na fotografia

Existem basicamente dois tipos de equilíbrio na fotografia. O primeiro é o equilíbrio formal, também chamado de equilíbrio simétrico.

Como o nome sugere, é quando os indivíduos um ou mais idênticos ou similares se repetem de forma simétrica em cada lado de um determinado plano fotográfico.

Composição fotográfica

Equilíbrio fotográfico informal.

O segundo tipo, o equilíbrio informal ou chamado balanço assimétrico, é quando um ou mais elementos diferentes compõem o equilíbrio e estão de cada lado do plano da foto.

Equilíbrio informal é menos óbvio, porque os indivíduos não são uniformes, mas muito eficaz na hora de compor uma bela foto.

Uma imagem bem feita usando equilíbrio informal é mais atraente para o espectador em comparação com uma imagem composta de forma simétrica.

Composição fotográfica

Proporção áurea e a espiral de Fibonacci na composição fotográfica

A proporção áurea, ou também chamada de Golden ratio, é uma ferramenta poderosa para a composição fotográfica. Não apenas composição fotográfica, a séculos podemos encontrar indícios de sua utilização em pinturas, arquitetura.

É um princípio de construção com base na relação de 1 para 1,618. Aclamado como “o número perfeito”, a proporção áurea pode ajudar na criação de imagens para que elas tenham uma composição forte, que vai atrair os olhos do espectadores a sua fotografia.

Muitas vezes a proporção áurea é confundida com a espiral de Fibonacci, também não é para mesmo as duas espirais são praticamente iguais.

Há muitas interpretações de como podemos usar a proporção áurea em fotografia. As interpretações mais comuns em composições fotográficas são, a Grade de Phi e a espiral de Fibonacci.

Composição fotográfica
Espiral de Fibonacci.

Diz-se que por volta do século 12 um matemático chamado Leonardo Fibonacci concebeu uma série de números que podiam produzir uma composição esteticamente agradável.

A partir deste conceito ele criou a conhecida espiral de Fibonacci. A espiral de Fibonacci foi criada a partir de uma série de quadrados usando números de Fibonacci, com o comprimento de cada quadrado sendo um número de Fibonacci.

E desta forma, aplicando a espiral de Fibonacci, como guia para a composição fotográfica podemos chegar a resultados mais harmônicos e equilibrados, segundo o conceito de estica de Leonardo Fibonacci.

O mais impressionante sobre isto é que é realmente funcional, assim como a regra dos terços, e podemos dizer que a proporção áurea funciona bem.

Composição fotográfica
Espiral de Fibonacci

Existem muitos rumores de que obras de arte famosas como a Mona Lisa, a Última Ceia, e O Nascimento de Vênus, entre outros, tenham sido compostas com o auxílio da proporção áurea.

Regra do terço
A grade de Phi

Uma outra interpretação da proporção áurea é a Grade de Phi, que pode ser chamada de uma espiral de Fibonacci simplificada.

A grade do Phi pode ser muito parecida com a regra dos terços, mas tem uma diferença muito importante.

Em vez de dividir a moldura em terços iguais de 1: 1: 1, aplica-se a proporção áurea, para dividir o espaço, o resultado é uma grade de 1: 0,618: 1.

Isto resulta em um conjunto de linha que estão bem mais centralizadas se compararmos com a regra dos terços.

Exemplo da regra do terço com foto de uma cidade com nuvens

Não existe uma  versão certa ou errada do Golden Ratio, cada uma delas funcionará melhor em um determinado momento. A grado de Phi por exemplo é um ótima opção para composição de fotos de paisagem.

Com estas 4 técnicas de composição fotográfica você já pode passar anos fotografando, e garanto para você que sua vida como fotógrafo vai ser mais fácil. 

Cores usadas na composição fotográfica 

A cor é um dos elementos mais evidentes da composição fotográfica. Todo mundo sabe que as cores intensas fazer as pessoas notarem com mais facilidade o ponto de interesse de suas imagens.

Você já se perguntou por que existem tantas fotos de girassol por aí afora? A cor para tal são as cores.

A cor tem algumas funções em fotografias. Primeiro, cor prende a atenção do espectador.

E uma das formas de passar alguma sensação ao espectador de suas imagens também é defina pela cor, aqui chamamos de humor da foto.

A cor tem tamanha importância na composição fotográfica que muitos fotógrafos procuram usá-la em toda a extensão de sua composições, tanto para prender a atenção do espectador quanto para definir o clima, humor, da foto.

Cores como fator de prender a atenção

Utilizando cor para prender a atenção é muitas vezes bastante efetivo. Geralmente, o que é necessário é uma cor saturada ou intensa.

Este tipo de cor tende a atrair a atenção do espectador e orientá-la para a área de cor, onde pode estar o seu objeto de interesse principal.

Tomates vermelhos, e um tomate verde
Prenda a atenção

Além disso, a cor tende a manter a atenção do espectador por um período de tempo prolongado. Quando os olhos do espectador querem sair daquela região e vagar pela, a cor tende a trazer a atenção de volta.

Por do sol no mar
Johnson Zhan

A segunda maneira de usar a cor para atrair a atenção do espectador é a utilização de uma mistura de cores contrastantes. Um exemplo desta abordagem seria uma imagem com cores em degradê, onde há uma combinação de vermelho, laranja e amarela.

Humor

Definir o humor através do uso da cor tende a ser uma aplicação mais sutil de cor do que quando a cor é usada para capturar a atenção do espectador. No entanto, isso não significa que este artifício seja menos poderoso.

Cores diferentes provocam diferentes humores. Uma vez que há um número enorme de cores, não é possível cobrir todas as cores e seus impactos sobre o humor dos espectadores em um artigo como este.

Então como tenho escrito artigos específicos sobre cores e temperatura da cor vale a pena lê-los! Afinal trabalhar com a luz também é uma boa forma de manipular a qualidade sua composição.

Composição fotográfica - Homen na praia brincando com as ondas
Doc de Jun dacumos

Composição fotográfica e os padrões

Padrões são muito utilizados em fotografia, estes podem ser elementos gráficos que se repetem, cores, tons e formas que se alinham ou se repetem pelo plano a ser fotografado.

As formas são consideradas um dos tipo de padrões mais úteis fortes na composição de fotografias. Então triângulos, círculos e quadrados que se repetem sempre serão seus amigos na hora de compor um foto.

Composição fotográfica
Foto de Paul Bica

Em situações onde são esperados os padrões repetitivos podem dar uma sensação de calma a sua fotografia.

Podemos até divagar aqui e dizer que pelo fato do espectador já esperar o que  vai acontecer, mesmo que em seu subconsciente, a repetição traz um contraponto a este mundo caótico, e por conta disto temos a sensação de paz e conforto.

Uma abordagem diferente para evitar a monotonia dos padrões de repetição é propositadamente para quebrar o padrão.

Quebrando o fluxo do padrão você perturba o seu ritmo e pode adicionar mais drama a uma fotografia.

Tal perturbação pode ser natural ou pode ser manipulada pelo fotógrafo através da introdução de um elemento de uma cor contrastante, de uma forma ou de textura diferente, etc.

Mesmo remoção de um dos elementos que formam o padrão pode funcionar bem para quebrar este ritmo.

Composição fotográfica
Foto de Lali Masriera

Linhas guias

Composição e boa fotografia andam sempre de mãos dadas. Qualquer um pode (com a prática) aperfeiçoar as habilidades e técnicas para tirar uma foto com boa exposição.

Mas sempre será o seu talento e como você enxerga o mundo que irá definir se suas fotografias se destacaram em meio a multidão.

Quando falamos da parte técnica tudo pode ser ensinado com mais facilidade, mas o negocio muda completamente de figura quando falamos de composição fotográfica.

E como estamos vendo desde o começo deste artigo estas “regras’ irão te ajudar a melhorar este lado artista de forma a ajudar você a compor fotos melhores  e mais agradáveis.

E esta nossa próxima técnica de composição fotográfica é uma das mais importantes quando o negócio é criar composições fortes, e ela se chama linhas guias.

Linhas guias em composição fotográfica são usadas para direcionar o olhar do espectador ao ponto de interesse, assim como quando usamos cores para direcionar o olhar do espectador.

Composição fotográfica
“Snowdonian sunset” de Philip Male

Linhas guia são elementos muito fortes na fotografia principalmente se combinadas com outros elementos de composição, de forma a tornar muito mais óbvio o ponto para o qual você quer que seu espectador olhe.

Composição fotográfica
Foto de Alyona Arnautova

Usar linha longas e relativamente complexas ajudam bastante na hora de direcionar os olhos do espectador para o ponto que você quer que olhe.

Molduras ou framing como técnica de composição

O que você faz com aquela foto ou fotos que você gosta muito? Como diriam por aí você manda “enquadrar” né?

Pois bem, e por que não enquadrar de uma forma diferente?

Composição fotográfica
Framing

Podemos dizer que este tipo de enquadramento, que chamamos de framing ou moldura, é uma das técnicas de composição fotográficas mais eficientes para chamar a atenção do espectador para o ponto onde você quer que ele olhe.

Fotografias feitas com este tipo de composição sempre terão um peso muito bacana e ajudaram a sua imagem a ganhar evidência.

Você pode gerir o enquadramento de forma a dar contexto à sua imagem tal qual criar uma bela sensação de profundidade.

Composição fotográfica
Usando framing para dar contexto a imagem

Outra coisa bem interessante deste tipo de técnica de composição é aguçar a imaginação do espectador, fazendo com que a imaginação dele tente desvendar o que tem atrás do frame que emoldura a foto.

Utilização da tecnica de framing ou molda na fotografia
Sensação de profundidade.

Compor com profundidade

Mais um das técnicas de composição fotográfica que você pode usar e que tem efeito muito bacana sobre suas imagens é usar a profundidade de campo. Você vai usar esta técnica de forma a isolar o objeto de interesse, em foco ou fora dele.

Como já escrevi um artigo bem bacana sobre o assunto sugiro que leia ele e complete esta saga pela composição fotográfica.

Bom dito isto acho que só falta uma coisa a se fazer, colocar isto em prática.

Saiam, fotografem, lembre do que você leu aqui e coloque em prática.

Não se esqueça que todas as regras podem ser quebradas e no final o que vale é um trabalho bonito.

Se você gostou do artigo mande ele para uma amigo! E não esqueça de deixar seu comentário.

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.